Image Map

domingo, janeiro 3

CF: Predestinate


Predestinate
Link da fanfiction


Sinopse: Já vi borboletas voarem faltando um pedaço da asa, e maravilhosas rosas desabrocharem em um copo com água, mas eu nunca vi um resquício de fé em seus olhos. Me perguntava como que alguém tão audaz quanto um cometa, e tão soberano como o Sol, conseguia conviver sem fé entre anjos e demônios. Pode parecer estranho, mas acreditei na existência destes seres da pior forma possível, na base do medo e da dor. Porém meu guardião de adoráveis olhos castanhos, me ensinou que o medo é apenas mais uma palavra no dicionário. E eu estava disposta a lhe provar que os humanos estão predestinados a ter fé.

Mil perdões pela demora, mas finalmente sua crítica está aqui. Espero que possa ajudá-las de alguma forma e lembre-se que nada aqui tem a intenção de lhes ofender.

Aparência

  • Capa: Vamos lá, eu não gostei muito da capa, mas as imagens e composição destas combinaram com a temática. Mas, eu esperava mais da fontes e texturas que ficaram meio apagadas. E, mesmo aqui não sendo uma avaliação de design, os pontos fracos (textos) acabou desvalorizando o ponto forte (imagens e montagens) da edição. Enfim, faltou aquele "booom" que chama atenção só pela capa.
  • Sinopse: O que falar dessa sinopse que mal li e já amo? Cada palavra de conotação das frases encantam, deixando informações e curiosidade para o leitor na medida exata. A única ressalva (que não vai descontar pontos) é que aparenta começar como se estivesse falando de uma segunda pessoa que não tem fé e em seguida muda para a primeira (segunda pessoa: eu nunca vi um resquício de fé em seus olhos; primeira pessoa: mas acreditei na existência).
  • Trailer: Quando li o conselho pra assistir com fones de ouvido, fiquei os dois minutos esperando um grito medonho ou uma cena extremamente hot com gemidos, mas felizmente, ou infelizmente não vieram, o que veio foi um trailer super maravilhoso com cenas que encaixam muito bem na história e enredo, do meu ponto de vista (não manjo muito de trailer) eu adorei.
Nota: 2,8/3,0



Ortografia

Vi poucos, beirando a nenhum, erro de ortografia, o que é impressionante dado o tamanho de seus capítulos, o que achei de mais grave — na verdade, o único erro ortográfico que vi durante a primeira leitura que fiz foi um simples deslize no uso dos porquês, onde está escrito (Porque não você?) o correto seria (Por que não você?) visto que é uma pergunta. Algumas pontuações aqui e acolá indevidas perto de travessões ou de conjunções adversativas como mas e porém, mas nada que realmente prejudique a narrativa.

Nota: 3,9/4,0

Enredo

É até um pouco injusto eu avaliar seu enredo porque tenho uma verdadeira queda por essa temática sobrenatural, sobre tudo contendo anjos e demônios. Mas, seu enredo é impressionante e bem criativo com a divisão de castas que me chamou bastante atenção e o desenvolvimento dos personagens de forma individual e coletiva é bem consistente, sem aquela situação da garota ser assustada e completamente dependente do garoto, ela tem um próprio circulo de amigos. Simplesmente cativante a cada capítulo.

Nota: 2,0/2,0


Avaliação Geral

Eu deveria ler três capítulos, no geral é assim que eu avalio, e escrever a crítica. Mas, quando paro para beber uma água me surpreendo completamente ao ver que já estou no capítulo sete e continuo lendo. E é isso que tenho para falar da sua fanfic, ela surpreendente desde do primeiro capítulo e super original, ainda estou aqui morrendo de vontade de saber como a Brooke vai se sair no Portal. Parabéns, você escreve muito, e olha que não sou fã de fanfic do Justin, muito menos dele safadinho, mas na sua história não parece nada forçado e simplesmente flui.

Nota: 1,0/1,0

Somatório: 9,7/10,0

 

Image Map