Image Map

sábado, janeiro 3

Sinopse: Hold Me, Thrill Me, Kiss Me, Kill Me

Hey, docinho de leite. Primeiramente, curti muito a ideia da sua fic e amei fazer sua sinopse, saiu mais rápido do que eu esperava; segundamente, MÃE, TÔ POSTANDO NO N!C ~choranu~ 
Escutei The Pretty Rockles o tempo todo em que escrevia, porque sério, achei The Pretty Rockless a cara da sua fic, sempre que escutar vou lembrar de ti, hehe.
Voltando a sua sinopse — o que realmente importa nessa bagaça —, acho que ficou dentro do que você pediu, frisei essa questão da dualidade na identidade incoerente da protagonista e tentei deixar um ar mais obscuro. A propósito, na primeira vez em que cito o nome da Lana, coloque o sobrenome dela (que eu desconheço), porque isso torna tudo um tanto mais impactante, hsuahauha.
Enfim, espero realmente que curta, caso contrário é só refazer o pedido. Por mais que não goste, dizem que não comentar na primeira postagem de alguém dá azar... 




"De uma forma ou de outra, vivemos nos escondendo atrás de máscaras. Talvez por nossa constante necessidade de aceitação, seja pela sociedade ou por nós mesmos.
Lana sabe disso melhor do que ninguém. Apesar da aparência de uma boa moça, esconde um segredo obscuro por baixo das roupas comportadas e da sua forte devoção a Deus. Ela é uma prostituta; uma suja e desprezível prostituta. Se tornou indiferente ao sentimento de culpa que deveria carregar por esconder seu verdadeiro eu de todos. Segue a vida adiante, que se resume em uma fuga obstinada da sua medonha identidade.
Mas ela também sabe que essa situação um dia se tornará insustentável e fugirá do seu controle. Afinal, máscaras caem e os muros da hipocrisia sempre começam a ruir.
Não há nenhuma verdade tão imersa que não possa vir à tona."
                                           


XOXO,

                                                           
                        








  

Image Map